ECONOMIA: Benefício do INSS ganha reajuste de 6,58 por cento.

REPÓRTER: Os segurados da Previdência Social que recebem um valor acima do salário mínimo agora terão a renda reajustada em 6,58 por cento. O texto publicado no Diário Oficial da União (DOU), foi divulgado nesta, segunda-feira (16).
O Diário informou que o teto previdenciário vai passar a ser de R$ 5.531,31 reais. Os benefícios de prestação continuada pagos pelo INSS correspondentes a aposentadorias, auxílio-doença, auxílio-reclusão e pensão por morte não terão valores inferiores a R$ 937.
Pescadores, mestre de rede e patrão de pesca, também tiveram o benefício reajustado. Os valores tiveram um aumento de 20 por cento. Já os seringueiros e seus dependentes, o benefício será de R$ 1.874 reais.
O auxílio-reclusão será pago a dependentes de segurado com salário abaixo de R$ 1.292,43.
As multas cobradas por descumprimento de obrigações previdenciárias também tiveram reajuste e vão variar de R$ 300,49 a R$ 30.050,76 reais.
 
Reportagem, Tayssa Bryto

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *