FIQUE POR DENTRO; Afinal, a cobra-verde é ou não venenosa?

Cobra-verdeClasse: Reptilia

Ordem: Squamata

Família: Colubridae

Gênero: Philodryas

Espécie: Philodryas olfersii

Muitas pessoas acham que a cobra-verde não é uma serpente peçonhenta, mas é sim. Porém ela tem dificuldade de injetar grandes quantidades de veneno, pois possui dentição opistóglifa.

Nas serpentes com esse tipo de dentição os dentes inoculadores de veneno estão situados no fundo da boca, dificultando a inoculação de porções grandes de veneno.

Geralmente, sua picada provoca apenas inchaço no local, mas isso varia de pessoa para pessoa, podendo desencadear problemas mais sérios.

Como o próprio nome diz, possui coloração verde. Atinge até 1 metro de comprimento, pesa de 100 a 250 gramas e tem corpo relativamente fino.Philodryas olfersii

É uma serpente nativa da América do Sul, no Brasil é encontrada em boa parte do país. Habita áreas de florestas e cerrados.

Apresenta hábitos diurnos, arborícolas e terrestres. Alimenta-se de aves, lagartos de pequeno porte e anfíbios pequenos.

É uma espécie ovípara, ou seja, os ovos se desenvolvem e eclodem fora do organismo materno, a fêmea põe até 18 ovos.

Não é um animal agressivo, normalmente foge ao se sentir ameaçada e só em último caso dá botes.

 

O site do Instiututo Vital Brasil diz o seguinte:

Cobra Verde (Philodryas olfersii)

Serpente que, apesar de pertencer à familia de não-peçonhentas, pode causar acidentes sérios. A Cobra Verde é opistóglifa, ou seja, possui um dente inoculador de veneno situado no fundo da boca, na porção posterior do maxilar superior. Ela possui uma saliva tóxica, por isso deve-se tomar cuidado com possíveis acidentes. É um animal arborícola que se camufla nas copas de árvores, em função de seu colorido esverdeado. Pode alcançar até 1,40m e costuma se alimentar de pequenos mamíferos, aves, lagartos e anfíbios.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *