SAÚDE: Brasil é maior fabricante de vacina contra a Febre Amarela e está preparado para atender possível aumento de demanda

REPÓRTER: O surto de Febre Amarela em Minas Gerais e outros casos isolados em estados brasileiros preocupa o Ministério da Saúde. Por enquanto, os casos confirmados da doença são versões do vírus silvestre, transmitida por mosquitos de florestas que picam macacos e seres humanos nas áreas rurais ou de matas. Se não for contida, a doença pode chegar às áreas urbanas. Nesse caso,o mesmo mosquito que transmite Dengue, Zika e Chikungunya, ao picar uma pessoa com febre amarela, também pode passar a transmitir mais esta doença. A principal forma de prevenção é a vacina, que faz parte doCalendário Nacional de Vacinação.
O Brasil é o maior fabricante mundial de vacinas contra a febre amarela. A vacina é produzida pela Bio-Manguinhos, unidade da FIOCRUZ, no Rio de Janeiro . Especialista na produção de produtos biológicos e Vice-Diretor de Produção de Bio-Manquinhos, Antônio Barbosa, fala sobre os estoques da vacina no caso da possibilidade de aumentoda demanda:
SONORA: Antônio Barbosa, vice-diretor de produção do Bio-Manguinhos/Fiocruz
“Certamente há um aumento nessa demanda e a estratégia do Ministério é a estratégia de bloqueio. Você vacinar aquela população que está mais exposta, na área rural . E a população pode ficar absolutamente tranqüila de que nós temos a vacina. A nossa produção está absolutamente normal.“
REPÓRTER: Segundo o Vice-Diretor de Produção da Bio-Manquinhos, Antônio Barbosa, no ano de 2015 foram produzidas 19 milhões de vacinas e, em 2016, mais de 16 milhões. Entre dezembro e janeiro o Ministério da Saúde vai receber um total de nove milhões de vacinas contra a febre amarela.  As vacinas produzidas no Brasil pela Bio-Manquinhos são exportadas para vários países, conforme explica o Vice-Diretor de Produção Antonio Barbosa:
SONORA: Antônio Barbosa, vice-diretor de produção do Bio-Manguinhos/Fiocruz
“Nós exportamos a vacina de Febre Amarela para mais de 70 países, então na América do Sul, Colômbia, Venezuela, Equador, quase todos os países da América do Sul, América Central, mas veja bem: nós não exportamos diretamente ao país , nós exportamos através do fundo… da Organização Panamericana de Saúde, assim como para a África a gente exporta através da Unicef, então são organizações internacionais com as quais nós trabalhamos.”
LOC: A Bio-Manguinhos fabrica as vacinas e exporta para outros países somente o excedente, ou seja, as doses que a população brasileira não necessita, como esclarece o Vice-Diretor,Antonio Barbosa:
TEC/SONORA: Antônio Barbosa, vice-diretor de produção do Bio-Manguinhos/Fiocruz
“Porque nós não somos uma organização privada, nós somos uma organização do governo que visa atender as necessidades saúde pública do país em primeiro lugar.”
LOC: A vacina contra a Febre Amarela pode ser encontrada gratuitamente nos postos de saúde e protege a pessoa vacinada por 10 anos.
Outras informações estão no site do Ministério da Saúde: saude.gov.br
Reportagem, Rosana Ferreira
images

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *