Site da CGE-PI revela que W.Dias pagou R$ 30 milhões a empresas do Grupo Meio Norte

ESTÁ TUDO NO PORTAL DA TRANSPARÊNCIA – A grande polêmica da semana passada entre os meios de comunicação ficou por conta do quadro Pinga Fogo, do jornal Agora, da Rede Meio Norte. Durante a entrevista do candidato Fábio Sérvio (PSL), ela criticou os repasses de dinheiro público que o governo de Wellington Dias faz para as empresas do Grupo Meio Norte. Fábio Sérvio até citou um valor (R$ 1,7 milhão por mês).

Na ocasião, o apresentador Amadeu Campos defendeu o Grupo Meio Norte, informando que a empresa recebe pagamentos pelos serviços prestados como qualquer empresa.

No mesmo dia, surgiu uma matéria do Portal GP1 informando que a Coordenadoria de Comunicação teria feito pagamentos de R$ 1,5 milhão esse ano para a Meio Norte O coordenador de Comunicação do Governo Wellington Dias, João Rodrigues, também falou que Fábio Sérvio estaria mentindo sobre a suposta cobrança de propina que foi citada pelo candidato durante a entrevista.

CÓDIGO DO PODER fez as contas e encontrou QUASE R$ 30 MILHÕES – Para conferir os valores pagos a empresas ligadas ao Grupo Meio Norte no período de 2015 a 2018, o Blog Código do Poder consultou os números que se encontram no Portal da Transparência Piauí, que é gerenciado pela Controladoria Geral do Estado. Segundo João Rodrigues, o portal é um dos mais elogiados do país.

Porém, o secretário de Wellington Dias não revelou que os pagamentos para os canais de comunicação não são feitos apenas pela Coordenadoria de Comunicação, daí porque ele informou apenas R$ 1,5 milhão, quando na verdade só a Carnaúba Comunicação recebeu este ano R$ 4 milhões. Além da CCOM, que tem orçamento de R$ 40 milhões por ano, empresas do Grupo Meio Norte também receberam pagamentos por outras secretarias como Secretaria de Turismo, de Saúde, de Cultura e de Educação. Também tem registros de pagamentos feitos pela Assembleia Legislativa. O mesmo acontece com os demais meios de comunicação, que também recebem por mais de uma secretaria, não apenas pela Coordenadoria de Comunicação.

Os documentos da CCOM-PI acabaram confirmando que o governo paga a Rede Meio Norte através de conta da empresa Carnaúba Comunicação.

Por fim, após se consultar de maneira simples, pelo CNPJ ou pelos nomes das empresas, o Blog Código do Poder conseguiu reunir os pagamentos para algumas empresas ligadas ao grupo. Não todas, já que o grupo também tem outras atividades econômicas, como a venda de veículos e outras.

Os pagamentos somaram R$ 29.215.717,87.

A pesquisa completa, feita junto ao PORTAL DA TRANSPARÊNCIA PODE SER CONFERIDA AQUI NO INFOGRÁFICO.

OBSERVAÇÕES IMPORTANTES – As empresas mais ligadas à parte de eventos seriam de outros sócios, como por exemplo, a Kalor Produções e a Ativa Ascom Ltda, que tem como sócio o diretor de jornalismo do Grupo Meio Norte, Wrias Moura.

Nos dois primeiros anos da gestão de Wellington Dias, a Kalor Produção recebeu pagamentos do governo do Estado. Já no anos seguintes, a empresa que faturou foi a Ativa Ascom.

TEM PAGAMENTOS QUE NÃO APARECEM NO SITE DA TRANSPARÊNCIA – Outra observação a ser feita é que o Portal da Transparência não registra os pagamentos que as Agências de Publicidades contratadas pelo governo pagam para os meios de comunicação. Dessa foram, existem pagamentos que o governo faz para os meios de comunicação através da agências, mas somente consultando todas as notas fiscais na Coordenadoria de Comunicação ou de outras secretarias para se conferir quanto desses pagamentos estão entrando nas contas dos meios de comunicação do Piauí.

Agências contratadas pelo governo do Piauí:

ERICK MIRANDA GOMES-ME – DESK PROPAGANDA

SA PROPAGANDA LTDA(QUE FAZ A CAMPANHA DO PETISTA EM 2014)

ECLETICA COMUNICACAO SC LTDA

MADE PROPAGANDA LTDA

NOVA COMUNICAÇÃO LTDA

Toda a lista de pagamento anual pode ser conferida aqui NESTE INFOGRÁFICO:

iinfograficopagamentosgovernopi

Fonte: Código do Poder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *